Buscar

PROGRAMA DE RÁDIO 16 DE MAIO DE 2020


Nessa semana foi realizada audiência virtual da vara do trabalho de Estrela, com os 2 juízes titulares, Ministério Público, sindicato e advogados e a empresa RR Shoes.

O objetivo da audiência é a tentativa de conciliação e ouvir se havia proposta para acordo por parte da empresa RR Shoes. Após duas longas horas de audiência, houve significativo avanço, inclusive confirmado uma proposta por parte da empresa, mas faltaram pontos importantes, ficando marcada mais uma audiência para a próxima segunda-feira, dia 18 de maio as 14h, onde se definirá o futuro ou acordo, ou ainda os juízes darão a sentença. Por parte do sindicato estamos confiantes de que possa ser possível um acordo, de forma parcelada, recebendo todos as verbas rescisórias, incluindo a multa dos 40% e multa do artigo 477 de um salário por não ter pago à vista.

Maiores informações serão repassadas no grupo de WhatsApp logo após a audiência.

-Também nessa semana foram atendidos os ex funcionários da Paquetá junto ao Sine, para encaminhar o seguro desemprego. Agora é esperar pela reposta do órgão, se libera o seguro, pois na condição de Força Maior, há entraves e por isso permanece sob análise até uma resposta

Igualmente foram já liberados os saldos do FGTS depositados e os 20%. Qualquer duvida podem consultar o sindicato.

– O Siticalte aproveita o momento para novamente agradecer ao Sine, Secretaria de Administração de Teutônia e Prefeito Municipal, pelo convênio realizado para encaminhar todos os seguros desempregos nesse período terrível de desemprego. Só para se ter ideia, desde o dia 14 de abril o Sine está atendendo os calçadistas com uma agenda diária, e foi uma grande ajuda, facilitando a muitas pessoas nesse momento difícil de desemprego.

Enquanto na televisão várias reclamações de pessoas que não estavam conseguido encaminhar via aplicativo, em Teutônia essa parceria deu exemplo de cooperação.

– Com esse momento de crise, todos estão perdendo e a melhor esperança é salvar empregos, continua a adesão a medida provisória 936 de 01 de abril do Governo Federal.

Com essa medida é possível suspender a jornada de trabalho por até 60 dias e receber integralmente  valor pelo governo, através do calculo do seguro desemprego ou então a redução de jornada e salário por um período de até 90 dias, na proporção de 25, 50 e 70%, sendo também essa diferença de salário paga pelo Governo Federal, nas regras do seguro. Por isso sempre repetimos, são pelas regras do seguro desemprego, pois o cálculo perfaz uma perda aos trabalhadores. Para conferir qual modalidade, já a vários sites especializados de fazer esse cálculo, inclusive o site do sindicato traz a calculado do Dieese.

É importante ressaltar que na suspensão de contrato de trabalho, empresas com faturamento superior a 4,8 milhões, necessariamente devem pagar 30% a todos os empregados por parte da empresa e os 70% serão pagos pelo governo, com ressalvas para questão de aposentados e teto de salário.

Horário de Funcionamento:

Segunda a Sexta  07:30 - 12:00

                          13:30 - 18:00

Rua Carlos Arnt nº618 - Canabarro, Teutônia - RS



siticalte@siticalte.org.br

 

Telefone: 051 3762-7020