Buscar

PROGRAMA DE RÁDIO 30 DE MARÇO DE 2019


PEC de Bolsonaro deixará sem PIS a imensa maioria dos trabalhadores

A Proposta de Emenda Constitucional da reforma da Previdência – PEC 6/2019 – impõe severas perdas aos segurados, que terão enormes dificuldades para se aposentar se o texto original de Bolsonaro for aprovado.

Mulheres, agricultores, professores e idosos pobres serão os mais prejudicados. A reforma cria obstáculos no acesso aos benefícios, fixando idade mínima de 65 anos para homens e 62 para mulheres, além de aumentar o tempo mínimo de contribuição de 15 para 20 anos.

Porém, as maldades vão além. Caso seja aprovado como está, o projeto governista impedirá que 90% dos trabalhadores brasileiros saquem o abono salarial.

Hoje, o abono do PIS/Pasep é pago ao servidor público ou celetista com Carteira assinada que recebeu, em média, até dois salários mínimos mensais e exerceu atividade remunerada durante, pelo menos, 30 dias no exercício anterior ao ano-base.

Com a PEC aprovada pelo Congresso Nacional, o abono – uma espécie de 14º salário que muitos ainda chamam de PIS – seria pago apenas a quem ganha até um salário mínimo, ou seja, R$ 998,00, o que exclui 90% dos contemplados atualmente.

O artifício inserido ardilosamente na reforma pode tirar até 8% da renda anual de um trabalhador que recebe o PIS. O fim desse direito agravaria as condições alimentares de 20 milhões de famílias. “Elas terão menos comida em casa. Isso é tão estapafúrdio que pobre no Brasil ficaria sem proteção do Estado”.

Valor – Em sua coluna desta quinta (21) no jornal Valor Econômico, a jornalista Maria Cristina Fernandes argumenta que a proposta atinge duramente os mais pobres. Com a nova regra restritiva, serão subtraídos dos trabalhadores de baixa renda o equivalente a R$ 150 bilhões, num prazo de dez anos.

– Na quarta-feira, dia 27, ocorreu o encontro de Sócios Especiais e aposentados do Siticalte. Foi o primeiro do ano de 2019, que reuniu associados para um debate sobre alimentação saudável com a Nutricionista do Hospital Ouro Branco Agnes Reckziegel, através do projeto HOB vai a comunidade. Após, os associados participaram de um bingo e tiveram café da tarde.

-Na quinta-feira, dia 28, o Siticalte teve seu auditório lotado com a presença de idosos dos município des Teutônia, Paverama, Poço das Antas e Westfalia, que participaram do Encontro Regional do Idoso, promovido pelo COMIT – Conselho Municipal do Idoso de Teutônia, juntamente com os outros municípios participantes.

— Diversos cursos estão com inscrições abertas e iniciarão nos próximos dias.

No dia 15 de abril inicia mais uma turma do curso de manicure. Se você associado ou dependentes, e tem interesse, deve fazer a sua inscrição na secretaria do Siticalte.

Estão com inscrições abertas também os curso de pintura em pano de prato e de artesanato em chinelo. Curso esse de fácil aprendizagem e será para confecção a ser usado para toda a vida.

Os cursos de informática possuem vagas nos turnos da manhã, tarde e noite, com mais de 70 opções a sua escolha, entre cursos profissionalizantes, administrativos, infantis e para a melhor idade.

Também recebe inscrições o curso de costura em calçado, aberto a toda a comunidade e totalmente gratuito. Possui vagas para os turnos da tarde e noite.

Já retornou o curso de desenho com a professora Sandra Cristina, pelo convênio dos núcleos de cultura da Prefeitura Municipal de Teutônia. O curso possui aulas de segunda a quinta à tarde e quartas e quintas de manhã. Aberto a toda comunidade.

Informe-se na secretaria do Siticalte, e aproveite essas oportunidades de qualificação e aprendizagem.

Horário de Funcionamento:

Segunda a Sexta  07:30 - 12:00

                          13:30 - 18:00

Rua Carlos Arnt nº618 - Canabarro, Teutônia - RS



siticalte@siticalte.org.br

 

Telefone: 051 3762-7020