Buscar

Abono salarial suspenso


O Abono Salarial do PIS/Pasep para quem trabalhou em 2020 que se iniciaria agora em julho foi oficialmente adiado. Conforme decisão do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat) que conta com representantes dos trabalhadores, das empresas e do governo, o abono que deveria ser pago agora no segundo semestre foi adiado para 2022.

Com o adiantamento, a expectativa é de que o abono salarial seja disponibilizado a partir de fevereiro de 2022, ou seja, serão necessários pelo menos mais seis meses para que o trabalhador possar ter acesso ao PIS/Pasep de quem trabalhou em 2020.

Conforme o posicionamento do presidente, Jair Bolsonaro, o abono salarial do PIS/Pasep pode ser extinto para garantir um aumento no valor médio pago pelo Bolsa Família. O objetivo do governo é elevar a atual média de R$192,00 por família para R$ 300,00 por mês.

Fonte: Jornal Contábil